Mais Justiça, Menos Desigualdades

Não há democracia com extermínio em massa da população negra

Nota pública da Oxfam Brasil sobre os dados do Anuário de Segurança Pública 2021 que revelam que 78,9% das pessoas mortas pela polícia no ano passado eram negras.

15/07/2021 Tempo de leitura: 1 minuto
 

Como nos ensina Elza Soares, “a carne mais barata do mercado é a carne negra”. Também podemos dizer que é a carne mais visada pelas forças policiais do país. Segundo dados divulgados nesta quinta-feira (15/7), a polícia matou um total de 6.416 pessoas no Brasil em 2020 – um recorde. E desse total, 78,9% eram pessoas negras.

Os dados do Anuário de Segurança Pública 2021, do Fórum Brasileiro de Segurança Pública (FBSP), são a face mais cruel do racismo que está entranhado nas estruturas do Estado brasileiro. Segundo o levantamento, as mortes por policiais aumentaram em 18 das 27 unidades da federação. Dados da nossa pesquisa Nós e as Desigualdades mostram que 84% dos brasileiros acreditam que a cor da pele influencia a decisão de uma abordagem policial. Os dados do levantamento do FBSP corroboram, na prática, essa percepção.

A população negra também é, segundo o levantamento, a maior vítima em outras categorias de mortes violentas intencionais, como homicídio doloso (75,8%), latrocínio (64,3%) e lesão corporal seguida de morte (75,3%).

Levando-se em conta os dados sobre a faixa etária das mortes por intervenção policial, os jovens são os mais atingidos: 44,8% das ocorrências em 2020 atingem quem tem entre 18 e 24 anos.

No Brasil, a população negra é desproporcionalmente impactada pela falta de saneamento básico e de acesso à saúde e à educação, além de ser mais duramente afetada pela fome e desemprego. Os dados do Anuário mostram que essa importante parcela da sociedade, que representa 54% dos brasileiros e brasileiras, é a mais visada pelo aparato de segurança pública. Segurança para quem?

Não há democracia com racismo. Não há democracia com assassinatos em série de pessoas negras.

A Oxfam Brasil se solidariza com todas as famílias que perderam entes queridos devido à violência policial. Vidas negras importam!

Notícias Relacionadas:
imagem do banner
Cadastre-se
Junte-se a nós para contribuir para as mudanças que queremos na sociedade brasileira.
Cadastre-se agora para receber mais informações!
Ao se cadastrar, você concorda com a política de privacidade da Oxfam Brasil

A Oxfam Brasil utiliza cookies para melhorar a sua experiência

Ao continuar navegando na nossa página, você autoriza o uso de cookies pelo site.