EMERGÊNCIA COVID-19: sua solidariedade protege famílias

Blog



O Globo: Crise do coronavírus reabre debate sobre renda básica

05/04/2020 Tempo de leitura: 2 minutos
 

A crise provocada pela pandemia de coronavírus reabre debate, no Brasil e no mundo, sobre a necessidade de criar uma renda básica cidadã. Reportagem do jornal O Globo, publicada neste domingo (5/4), traz a posição de diversos especialistas e organizações em relação ao tema. Entre os entrevistados está Katia Maia, diretora executiva da Oxfam Brasil.

Katia lembra que a discussão já vinha acontecendo antes da pandemia e que, agora, o assunto ganhou importância e urgência. “Sem renda, as pessoas não conseguem se reinserir na economia”, afirma.

Portanto, a renda básica cidadã é uma necessidade para impedir que milhões de brasileiros caiam na pobreza. Economistas como Joseph Stiglitz e Thomas Piketty defendem a adoção da renda básica para reduzir desigualdades e ajudar os desempregados, entre outros benefícios.

“Assim que virmos o que está acontecendo com os mais vulneráveis, vai ficar claro que não há opção depois dessa crise”, diz Katia Maia. A Oxfam Brasil promoveu uma ‘live’ em seu canal no Youtube para discutir o tema da renda básica. Participaram a economista Mônica de Bolle e o ativista do movimento negro Douglas Belchior.

Renda básica tem que ser ampla

O Congresso aprovou – e o governo sancionou – um auxílio emergencial de R$ 600, por três meses, para cerca de 54 milhões de trabalhadores que perderam renda ou estão desempregados. No entanto, essa ajuda – ainda que bem-vinda – ainda não é suficiente. A Oxfam Brasil defende que essa ajuda seja mais ampla e por mais tempo e critica o governo pela falta de agilidade e eficiência em proteger trabalhadores e os mais vulneráveis da crise.

Um novo relatório da Oxfam indica ainda que a crise do coronavírus vai empurrar meio bilhão de pessoas para a pobreza nos próximos anos. A crise do coronavírus reabre debate da renda básica e também da necessidade de o Estado investir em políticas de proteção social.

Leia aqui a íntegra da reportagem.

Categoria:

Nós na imprensa

Cadastre-se
Junte-se a nós para contribuir para as mudanças que queremos na sociedade brasileira.
Cadastre-se agora para receber mais informações!
Ao se cadastrar, você concorda com a política de privacidade da Oxfam Brasil


Deixe um comentário


A Oxfam Brasil utiliza cookies para melhorar a sua experiência

Ao continuar navegando na nossa página, você autoriza o uso de cookies pelo site.