Mais Justiça, Menos Desigualdades

Nota pública sobre atentado sofrido pela co-vereadora Carolina Iara

O atentado sofrido pela covereadora Carolina Iara, do PSOL, é mais um caso de violência contra mulheres negras eleitas no Brasil. A Oxfam Brasil exige investigação imediata e punição exemplar.

27/01/2021 Tempo de leitura: 1 minuto
 

A Oxfam Brasil expressa sua indignação e preocupação com mais um caso de violência política contra uma mulher negra eleita no país. O atentado que sofreu a co-vereadora Carolina Iara, do PSOL de São Paulo, eleita pela Bancada Feminista – dois tiros foram disparados em direção à sua casa – merece investigação rigorosa por parte das autoridades policiais e medidas urgentes de segurança devem ser tomadas para proteger a co-vereadora e sua família.

Carolina Iara participou do projeto Juventudes nas Cidades, da Oxfam Brasil em parceria com Ação Educativa, Criola, Fase, Ibase, Inesc e Instituto Pólis, e se tornou uma importante liderança feminista e negra na cidade de São Paulo. Desde as eleições municipais de 2020, vários casos de violência política contra mulheres negras estão sendo noticiados, mas pouco se sabe das investigações e soluções para evitar que outras mulheres também se tornem vítimas.

A Oxfam Brasil exige uma pronta investigação e punição dos autores do atentado contra a co-vereadora Carolina Iara. Basta de impunidade!

Notícias Relacionadas:
imagem do banner
Cadastre-se
Junte-se a nós para contribuir para as mudanças que queremos na sociedade brasileira.
Cadastre-se agora para receber mais informações!
Ao se cadastrar, você concorda com a política de privacidade da Oxfam Brasil

A Oxfam Brasil utiliza cookies para melhorar a sua experiência

Ao continuar navegando na nossa página, você autoriza o uso de cookies pelo site.