Mais Justiça, Menos Desigualdades

 

Mais tarde será tarde demais

A pandemia de coronavírus está gerando um grave cenário de fome pelo mundo. Mais pessoas passam fome extrema hoje do que em 2017, ano em que houve um clamor internacional para ajudar mais de 30 milhões famintos. Apesar de todos os esforços, o problema persiste.

Em julho de 2020 lançamos um alerta com o relatório “O Vírus da Fome”, sobre como a covid-19 estava acelerando a crise de fome em diversos países. Enquanto países como Somália, Sudão do Sul, Afeganistão, Burquina Faso, Nigéria, Iêmen e República Democrática do Congo enfrentam uma emergência de insegurança alimentar, com mais de 55 milhões de pessoas em situação de fome, o apelo humanitário da ONU para disponibilizar recursos para enfrentar a crise tem sido ignorado pelos países mais ricos do mundo.

Não podemos esperar até que seja tarde demais. Precisamos agir agora para salvar milhões de vidas!


Crise mundial de fome atinge 55 milhões


Apelo humanitário da ONU tem sido ignorado


Fome global exige US$ 10 bilhões em ajuda


Pandemia e guerras estão piorando a situação


É preciso investir mais em agricultura familiar

Os mais de 55 milhões de pessoas que estão prestes a passar fome atualmente precisam urgentemente de apoio financeiro e assistência humanitária.

imagem do banner
Cadastre-se
Junte-se a nós para contribuir para as mudanças que queremos na sociedade brasileira.
Cadastre-se agora para receber mais informações!
Ao se cadastrar, você concorda com a política de privacidade da Oxfam Brasil

A Oxfam Brasil utiliza cookies para melhorar a sua experiência

Ao continuar navegando na nossa página, você autoriza o uso de cookies pelo site.