Oxfam Brasil

A Oxfam Brasil faz parte de uma confederação global que tem como objetivo combater a pobreza, as desigualdades e as injustiças em todo o mundo. Desde 2014, somos membros da Confederação Oxfam, que conta com 20 organizações atuando em 94 países. No total, somos mais de 10 mil funcionários e 55 mil voluntários atuando pelo mundo para dar alívio a milhões de pessoas em situação de emergência e contribuir para a transformação social com base nos direitos humanos e no desenvolvimento justo e igualitário.

A Oxfam Brasil tem um conselho deliberativo, um conselho fiscal e uma assembleia geral - formados por brasileiros – e é uma organização sem fins lucrativos e independente. Nosso escritório fica em São Paulo.

Temos como princípio trabalhar com organizações parceiras, em redes e plataformas conjuntas, em projetos e ações que promovam mudanças significativas. Para nós, desafiar as desigualdades é dar espaço, voz e poder às pessoas para que possam exercer seus direitos plenamente.

No Brasil, atuamos nas seguintes áreas:
  • Desigualdades Econômicas e Justiça Fiscal
  • Desigualdades nas Cidades
  • Setor Privado, Desigualdades e Direitos Humanos
Seguimos seis princípios básicos para que as parcerias propiciem mudanças:
  • Visão e valores compartilhados;
  • Identificação de metas em comum;
  • Autonomia e independência;
  • Transparência e responsabilidade mútua;
  • Precisão sobre funções e responsabilidades;
  • Compromisso com a aprendizagem conjunta.

Nossa Missão

Contribuir para a construção de um Brasil justo, sustentável e solidário que elimine as causas da pobreza e da desigualdade. Trabalhamos com parceiros e aliados como parte de um movimento nacional e global pela transofmração social.

Nossa Visão

Queremos um Brasil justo, sem pobreza e desigualdades, onde as pessoas sejam respeitadas em sua diversidade e tratadas com igualdade. Uma sociedade na qual cidadãs e cidadãos exerçam de forma plena seus direitos e participem ativamente das decisões políticas.

Nossos Valores

Os valores da Oxfam Brasil estão pautados no trabalho em parceria, acreditando que juntos se vai mais longe. Com nosso trabalho, procuramos assegurar que as pessoas mais afetadas pelas desigualdades tenham suas vozes ouvidas. Buscamos mudanças sistêmicas que possam garantir direitos iguais a todos e todas em um Brasil sem privilégios e livre das desigualdades.

Parcerias
A Oxfam Brasil tem como princípio fundamental trabalhar com organizações parceiras na luta por uma maior justiça econômica, política, social e ambiental. Acreditamos que mudanças duradouras só são alcançadas quando as organizações trabalham juntas em redes e plataformas em direção a um objetivo comum, aplicando suas diversas habilidades técnicas, organizacionais ou de influência.

Espaço, voz e ação
Para a Oxfam Brasil, desafiar as desigualdades significa que as pessoas devem ter espaço, voz e poder para atuar no exercício de seus direitos. Dessa forma, elas poderão influenciar e monitorar os governos e suas políticas públicas, assegurando que sejam justos e priorizem a melhora da qualidade de vida para o conjunto da sociedade.

Influência
A Oxfam Brasil trabalha para reduzir o enorme desiquilíbrio de poder existente nas tomadas de decisão e na elaboração de políticas públicas que afetam o dia a dia das pessoas – para que não apenas empresas e indivíduos super ricos tenham influência sobre políticas sociais e econômicas, mas para que todas e todos os cidadãos sejam ouvidos.

 

      Globalmente, temos quatro grandes campanhas:

      Cresça

      Milhões de pessoas enfrentam péssimas condições de trabalho e renda para produzir a comida que comemos e muitas vezes nem tem o que comer elas próprias. Ninguém deveria ter que trabalhar assim.

      Equilibre o Jogo!

      Nossa economia global está ampliando o fosso entre os ricos e os pobres, aumentando as desigualdades de riqueza e renda pelo mundo. O 1% mais rico do planeta tem concentrado riqueza às custas dos baixos salários e péssimas condições de trabalho de milhões de pessoas.

      Direitos em Crise

      As crises humanitárias e seus impactos sobre as pessoas mais vulneráveis têm se repetido mundo afora, com uma frequência cada vez maior. Conheça mais detalhes sobre nossa campanha ‘Direitos em Crise’.

      Basta!

      A violência contra as mulheres e meninas é recorrente, numa escala tal que já é considerada uma crise global. Uma em cada três mulheres já sofreu algum tipo de violência. Esse problema não tem fronteira geográfica ou de cultura. As que vivem na pobreza sofrem ainda mais com os abusos.

      Doe agora

      Seu apoio ajuda a mudar vidas

      Cadastre-se para receber nossa newsletter