Maior supermercado alemão só venderá bananas produzidas de maneira justa

Decisão tomada no final de setembro vale para as mais de 3 mil lojas da rede na Alemanha e Suíça

Gol da Alemanha! A rede Lidl, maior supermercado alemão e terceiro da Europa, anunciou no final de setembro que suas lojas na Alemanha e Suíça só venderão bananas produzidas de acordo com regras de comércio justo ('fairtrade'), o que significa uma exigência de melhores condições de trabalho e produção. A Lidl tem mais de 3 mil lojas na Alemanha e 100 na Suíça, de um total de mais de 10 mil estabelecimentos em toda a Europa e também nos Estados Unidos.

Parte das bananas consumidas pelos alemães são produzidas no Brasil. Em 2017, exportamos cerca de 20 toneladas para a Alemanha, país que é o 10o maior destino da banana brasileira. O maior destino das bananas brasileiras é o Uruguai, com mais de 21 mil toneladas, seguido da Argentina (16,5 mil toneladas).

“Apesar da exportação de banana para Alemanha não ser o destino mais relevante para o Brasil, a exigência de melhores condições de trabalho e produção pelo 3º maior supermercado europeu, o Lidl, pode trazer um impacto positivo para o setor como um todo”, afirma Gustavo Ferroni, coordenador de programas da Oxfam Brasil. Em junho de 2018 a Oxfam Brasil lançou o relatório Hora de Mudar que revela como os grandes supermercados do mundo lucram bilhões às custas de péssimas condições de trabalho, pobreza e sofrimento de milhões de homens e mulheres trabalhadores e agricultores em diversas partes do mundo.

A decisão da rede de supermercados Lidl de só comercializar bananas produzidas de maneira justa em suas lojas na Alemanha e Suíça é uma grande vitória para todos os trabalhadores e agricultores do setor, que em geral ficam com muito pouco do valor final do produto comercializado.

Por exemplo: trabalhadores da banana no Equador ficam apenas com 7,6% do valor final do produto que é vendido na Europa e nos Estados Unidos. Já os supermercados europeus e americanos ficam com quase 40% do valor.

Queremos que os supermercados mudem seu modelo de negócio para priorizar transparência sobre procedência dos alimentos e evitar que nossa comida seja produzida com sofrimento humano, pobreza e péssimas condições de trabalho. Você pode fazer a diferença! Assine nossa petição!

O QUE É QUE A BANANA TEM?

As bananas são produzidas predominantemente na Ásia, América Latina e África. Os maiores produtores são Índia (29 milhões de toneladas por ano, média entre 2010 e 2015), China (11 milhões de toneladas por ano) e Filipinas (9 milhões de toneladas por ano). O Brasil produziu 7 milhões de toneladas por ano, em média, no mesmo período.
O Brasil é o segundo país que mais consome banana per capita e um dos maiores produtores do mundo, mas a maior parte do que se produz no país é consumido internamente. O Brasil exporta pouca banana: é apenas o 46o. país em exportação.
A maior exportadora de bananas do mundo é a empresa Chiquitita, que foi comprada em 2017 pelas empresas brasileiras Cutrale e Banco Safra.

 

(saiba mais sobre esse e outros dados sobre as muitas desigualdades na produção de alimentos no mundo em nosso relatório Hora de Mudar)