Notícias

Educação e geração de renda devem ser prioridade na ajuda a refugiados rohingya

Oxfam, Save the Children e Visão Mundial fizeram alerta durante lançamento do novo plano da ONU para lidar com a crise humanitária que já dura um ano e meio em Bangladesh.

Educação e oportunidades de geração de renda devem ser prioridade na crise humanitária da etnia rohingya, que vivem no maior campo de refugiados do mundo em Bangladesh.

Oxfam Brasil contrata Analista de Políticas e Incidência

Profissional irá apoiar o desenvolvimento e implementação de projetos da área temática, incluindo campanhas, pesquisa e ações de advocacy.

Nome do Posto: Analista de Políticas e Incidência
Gerenciado(a) por: Coordenador de Programa
Área: Programas, Incidência e Campanhas – Setor Privado e Desigualdade
Tipo de contrato: CLT / Horário: 40 horas semanais
Salário: Candidatos e candidatas devem enviar pretensão salarial, em acordo com o mercado

Objetivo do Cargo

Oxfam inaugura o maior sistema de esgoto em um campo de refugiados

A planta contou com financiamento da Agência da ONU para Refugiados (UNHCR) e pode processar resíduos sólidos de mais de 150 mil pessoas

A Oxfam inaugurou em janeiro deste ano a maior usina de tratamento de resíduos sólidos já construída em um campo de refugiados. A planta de Cox’s Bazaar, em Bangladesh, foi financiada pela Agência da ONU para Refugiados, a UNHCR, e pode processar os resíduos produzidos por mais de 150 mil pessoas.

Influência e inovação digital na luta contra a violência machista

Ativistas feministas de todo o mundo se encontraram em Madri para trocar experiências

Ativistas feministas da América Latina, Europa e Africa participaram de evento em Madri (Espanha) na semana passada (de 26 a 28 de janeiro), a convite da Oxfam Intermón, para fortalecer alianças e redes entre as participantes e suas organizações contra a violência sexista.

Negligência deixa grávidas, crianças e vítimas de tortura abandonadas em ilha grega

Sistema de triagem para os que buscam asilo não tem profissionais suficientes para atender os milhares de refugiados

Falhas graves na triagem de refugiados que chegam à ilha grega de Lesbos estão deixando milhares de pessoas à deriva na região, agravando a situação de vulnerabilidade em que se encontram. Crianças, mulheres grávidas, pessoas com deficiência e vítimas de tortura estão vivendo em condições precárias em grandes acampamentos, e não conseguem atendimento adequado em seus pedidos de asilo.

Oxfam fornece água potável e saneamento aos atingidos pelo tsunami na Indonésia

Novo desastre deixou 373 mortos, cerca de 1.500 feridos e mais de 11 mil desabrigados

A Oxfam está trabalhando junto ao governo da Indonésia para fornecer água limpa e kits de higiene para as pessoas afetadas pelo tsunami que atingiu o estreito de Sunda, no oeste do país no final de dezembro.

Azedou para a Citrosuco: empresa volta para a 'lista suja' do trabalho escravo

Gigante da laranja foi autuada por manter trabalhadores em situação análoga à escravidão em laranjais de São Paulo

A Citrosuco, uma das maiores produtoras e exportadoras brasileiras de suco de laranja, voltou à lista suja do trabalho escravo do Ministério do Trabalho esta semana depois de a Justiça do Trabalho derrubar uma liminar que a deixava fora do cadastro.

Retrospectiva 2018 - um ano de muitos desafios.

2018 foi um ano de muitos desafios, de conquistas e retrocessos, que exigiram de todos os brasileiros muita força, criatividade e vontade. Em 2019, a situação não deverá ser muito diferente, mas independentemente do cenário posto, continuaremos nosso trabalho de enfrentamento das desigualdades - de renda, gênero e raça - para vencer a pobreza extrema e garantir que todos e todas tenham seus direitos garantidos e respeitados.

Guia Juventudes nas Cidades: instrumento de conhecimento e defesa de direitos

Publicação do projeto Juventudes nas Cidades foi lançada no Distrito Federal, Recife, Rio de Janeiro e São Paulo

Um evento na sede do bloco Ilú Obá De Min com a pa

Fome e frio ameaçam meio milhão de pessoas no Iêmen

População já sofre há anos com uma guerra civil que já matou milhares

Mais de meio milhão de pessoas que se refugiram da guerra civil no Iêmen na cidade portuária de Hodeidah, estão sob dupla ameaça: fome e temperaturas congelantes. O inverno no Iêmen é extremamente rigoroso e em geral vem acompanhado de fortes chuvas, que causam inundações e deixam muitas pessoas desabrigadas. Boa parte das 530 mil pessoas abrigadas em Hodeidah estão vivendo em barracas improvisadas, sem proteção contra o frio.

Páginas