pesquisa Oxfam Brasil/Datafolha

Segunda edição da pesquisa Oxfam Brasil/Datafolha revela a percepção dos brasileiros sobre as desigualdades

A grande maioria dos brasileiros (86%) acredita que o progresso do Brasil está diretamente ligado à redução da desigualdade econômica entre ricos e pobres, e 94% concordam que o imposto pago deve ser usado para beneficiar os mais pobres do país. Além disso, 77% dos brasileiros afirmam que defendem o aumento de impostos para as pessoas muito ricas para financiar políticas sociais.

Para 86% dos brasileiros, progresso do Brasil está condicionado à redução das desigualdades entre ricos e pobres

Nós e as Desigualdades - percepções sobre desigualdades no Brasil

Pesquisa Oxfam Brasil/Datafolha realizada em agosto de 2017 com 2.025 pessoas em todo o Brasil revela a percepção pública sobre as desigualdades no país. Com base nos resultados da pesquisa, a Oxfam Brasil reiterou sua agenda de combate às desigualdades, que tem como foco seis eixos: tributação, gastos sociais, educação, combate à discriminação, mercado de trabalho e democracia.

A pesquisa foi lançada em dezembro, veja detalhes aqui.