emergências

Moçambique, Zimbábue e Malawi ainda vivem os efeitos devastadores dos ciclones

O ciclone Idai atingiu Moçambique, Zimbábue e Malawi em março, com ventos de 170 km/h e fortes chuvas. Descrito pela ONU como "um dos piores desastres relacionados ao clima na África", causou grandes danos e devastou a vida de mais de 2,6 milhões de pessoas.

Quase 2 milhões de pessoas precisam de ajuda. Acesso às regiões mais atingidas é o principal desafio

Mulheres rohingya vivem situação risco em campos de refugiados inadequados

 

As refugiadas rohingya que vivem em Bangladesh enfrentam problemas de saúde, não têm acesso a assistência vital e correm maior risco de serem abusadas nas instalações inseguras e inadequadas de muitos campos de refugiados.

Oxfam alerta para a necessidade de se destinar parte dos recursos de ajuda humanitária para atender as necessidades específicas das mulheres